“CAMPANHA FIQUE SABENDO 2021” COMEÇA HOJE(16) TERÇA-FEIRA

0
4566

A Secretaria de Saúde, da Prefeitura de Taubaté, realiza de 16 de novembro a 6 de dezembro a Campanha de Prevenção do HIV , “Fique Sabendo 2021”.

O objetivo da Campanha é incentivar a população a realizar testes rápidos, destinados a pessoas sexualmente ativas, principalmente as que nunca realizaram o teste, bem como a conscientização sobre as medidas de Prevenção das Infecções Sexualmente Transmissiveis (IST’s).

O diagnóstico precoce contribui para a diminuição da transmissão e a melhoria da qualidade de vida da pessoa infectada pelo vírus. A ação será realizada pela equipe do AMI (Ambulatório Municipal de Infectologia), em parceria com Atenção Básica de Saúde, Vigilância Epidemiológica e Casa de Apoio Mulher e Vida.

Os testes rápidos estarão disponíveis nas seguintes unidades: AMI, Piratininga, Esplanada, Chácara Silvestre, São Gonçalo, Planalto, São José, Ana Rosa, Santa Isabel, Novo Horizonte, Vila Marli, São Geraldo, Santa Teresa, Estoril, Água Quente, Marlene Miranda, Paiol, Monjolinho, Pinheirinho, Barreiro, Continental, Bonfim, Bosque da Saúde, Cidade Jardim, Estiva, IAPIi, Imaculada, Jardim Resende, Paduan, Quiririm, Registro, Santa Fé, Santo Antônio, São João, São Pedro, Parque Três Marias II, Vila São Carlos, Vila Velha, Belém, Independência, Gurilândia, Fazendinha, Mourisco, Aeroporto, Chácaras Reunidas e Consultório de Rua.

A programação inclui também ações no dia 27 de novembro, sábado, das 8h30 às 12h30 na Praça Dom Epaminondas, região central e no dia 1 de dezembro, Dia Mundial de Combate à AIDS, das 14h às 21h no Taubaté Shopping.

Análise dos dados referentes aos anos de 2020 e 2021 do município de Taubaté, indicam que em 2020 foram notificados 46 casos de HIV/AIDS contra 51 até o momento, em 2021. A prevalência ocorreu na faixa etária de 20 a 29 anos (24 casos, ou seja 25%) seguida pela faixa etária de 30 a 39 anos (17 casos ou 17,52%). Os homens foram os mais infectados, em 85,56% dos casos ficando as mulheres com 14,43% dos casos de infecção.

HIV é a sigla em inglês do vírus da imunodeficiência humana, causador da AIDS (Síndrome da Imunodeficiência Humana Adquirida), ele ataca o sistema imunológico, responsável por defender o organismo de doenças. Quando ocorre a infecção pelo vírus HIV, o sistema imunológico começa a ser atacado. A pessoa pode ficar alguns anos sem manifestar nenhum sintoma, porém, com o frequente ataque, as células de defesa começam a funcionar com menos eficiência até serem destruídas. O organismo fica cada vez mais fraco e vulnerável a infecções comuns.

A transmissão ocorre pelas relações sexuais desprotegidas com parcerias sexuais infectadas pela doença sem diagnóstico, compartilhamento de seringas e agulhas contaminadas e da mãe infectada sem tratamento para o bebê durante a gestação/amamentação.O tratamento consiste na tomada de medicamentos que agem inibindo a multiplicação do HIV no organismo e, consequentemente, melhorando a resposta do sistema imunológico.

Durante todo o ano, como estratégia de prevenção são ofertados testes rápidos e preservativos nas Unidades Básicas de Saúde e AMI.

Fonte: https://taubate.sp.gov.br/noticias