Dr. Bruno alerta sobre os cuidados com a saúde bucal dos seus animais

0
3440

Porque alguns Cachorros hoje têm os Dentes todos Limpos, Branquinhos e Saudáveis com um Bom Hálito, enquanto outros Cachorros têm Mau Hálito, Dentes Amarelados e Gengivas Doentes?

✔ Qual a realidade dos dentes do seu cachorro?

Não são apenas os humanos que precisam estar atentos à saúde bucal, uma vez que os cães também necessitam de cuidados diários. Muitas pessoas desconhecem ou ignoram o fato de que a boca é uma das principais causadoras de problemas e doenças em animais.

O mau hálito, por exemplo, pode ser um indício de que o pet está sofrendo de doença periodontal, uma enfermidade que atinge 80% dos cães com mais de três anos de idade e pode gerar complicações sérias, como perda de dentes e migração de bactérias para a corrente sanguínea, alcançando rins, fígado e coração.

Causada pela proliferação de bactérias e acúmulo de alimentos na boca do animal, a doença periodontal quase não apresenta sinais no início ou, quando apresenta, são sutis aos olhos do tutor, tornando-a ainda mais perigosa.

O mau hálito e o sangramento gengival são uns dos sinais mais evidentes de que pode haver algo errado.

Por este motivo, os cães devem ser submetidos ao exame bucal regularmente, especialmente se apresentarem algum dos seguintes fatores de risco: halitose, cálculo dental (tártaro), dentes mal posicionados, salivação excessiva, dificuldade de mastigar o alimento e sangramento gengival.

Os cães pequenos, por possuírem dentes proporcionalmente grandes ao reduzido tamanho e espaço de sua boca, têm predisposição ao acúmulo de placa bacteriana, o que favorece a formação de tártaro e, consequentemente, o mau hálito.

No entanto, o risco vai além da boca: ela favorece a entrada de bactérias na corrente sanguínea, o que pode acarretar outras complicações à saúde do animal, afetando inclusive órgãos vitais ou mesmo causando malefícios às articulações. A doença periodontal avançada, assim como em seres humanos, pode levar à perda de dentes, acometimento da raiz dentária e inervação, levando os pacientes à dor e à inflamação crônica, que se traduzem em diminuição da qualidade de vida, perda de peso e desinteresse na alimentação.

Por isso, os cuidados com a saúde bucal devem começar cedo, incluindo escovação regular, complementada com produtos funcionais mastigáveis específicos para a saúde oral e visitas frequentes ao Médico-Veterinário.

O Dr. Bruno Santos da Clínica Recanto Animal é especializado em Tratamento de Tártaro em Cachorros e resolve esse problema com muita qualidade e profissionalismo. 🐕

✔ Ficou interessado? 🤔
Venha para a Clínica Recanto Animal e traga seu cachorro para ser atendido por uma equipe que entende dos seus problemas e sabe como resolvê-los.

📌 Ficamos no endereço:
Rua Imaculada Conceição, 860 – Taubaté-SP
📞 (12) 3622-3379

Mais informações acesse nosso site:
www.clinicarecantoanimal.com.br