‘Operação Hepacaré’ cumpre oito mandados de prisão em Lorena

0
828
Polícia Federal cumpre buscas em 10 endereços de Lorena e um de Pindamonhangaba

Ação é para combater quadrilha que realiza tráfico de drogas em mais de 20 pontos da cidade

A Polícia Federal junto a Polícia Militar de Lorena, deu ínicio a ‘Operação Hepacaré’ na manhã desta quinta-feira (21). A ação tem o objetivo de combater o tráfico de drogas e crimes associados na cidade, em busca de diminuir os índices de criminalidade e violência do município.

Ao todo, as buscas estão sendo realizadas em 10 endereços em Lorena e um em Pindamonhangaba, cumprindo oito mandados de prisão. De acordo com a Polícia Federal, a associação criminosa da cidade é responsável por distribuição em mais de 20 pontos de tráfico.

Em um levantamento divulgado pelo ‘Instituto Sou da Paz’, que avalia Exposição a Crimes Violentos, responsável por medir a exposição à violência dos municípios que possuem mais de 50 mil habitantes. O índice, que considera crimes letais, sexuais e contra o patrimônio, coloca Lorena com a pior colocação do ranking, apontando 54,4 na escala.

Veja a nota da Polícia Federal de Lorena na íntegra:

A Polícia Federal, em operação conjunta com a Polícia Militar, deflagrou nesta manhã (21/06/2018) a “Operação Hepacaré” para repressão ao tráfico de drogas e crimes associados na cidade de Lorena/SP. O esforço conjunto é dirigido à redução dos índices criminais e de violência associada ao tráfico na região de Lorena que, no ano passado, foi considerada a cidade mais violenta do Estado de São Paulo (conforme o Instituto “Sou da Paz”). Com amparo de ordens judiciais da Comarca local, estão sendo realizadas buscas em 10 endereços, na cidade de Lorena, 1 em Pindamonhangaba e 2 em Itaquaquecetuba, com vistas a apreensão de drogas e cumprimento a 8 Mandados de Prisão. A associação criminosa ora desestruturada pelas forças policiais era a responsável pela exploração direta de mais de duas dezenas de pontos de distribuição de drogas na cidade de Lorena. Será concedida coletiva para a imprensa na sede do 23º BPM/I, em Lorena, as 12 horas de hoje.

Fonte: Meon