Padrasto é preso suspeito de espancar criança de 1 ano em São José

0
278

Homem foi levado ao plantão policial após ser encontrado na zona norte / Arquivo/Meon

Menina segue internada em estado grave e respirando com aparelhos

O padrasto da criança de um ano internada com sinais de espancamento no Hospital Municipal de São José dos Campos foi preso como o principal suspeito do crime na noite de sexta-feira (19). O homem foi encontrado na estrada do Cajuru, no bairro Campos de São José, na zona leste, e foi levado a delegacia de plantão, no 1ºDP.

O caso investigado pela equipe da DDM (Delegacia de Defesa da Mulher) teria acontecido na quinta-feira (18), mas só se tornou de conhecimento da polícia na manhã de sexta, quando a equipe do hospital acionou as autoridades após a internação da menina em estado gravíssimo.

A criança teria dado entrada na unidade da Vila Industrial desacordada e com ferimentos por todo o corpo, confirmando um traumatismo craniano. Ela segue internada em observação, respirando com ajuda de aparelhos.

De acordo com a polícia, a principal linha de investigação é que o padrasto teria espancado a menina, depois deixado mãe e filha no hospital e tentado fugir.

A mãe da criança também teria desaparecido pela manhã, mas encontrada por policiais da DDM declarou que o homem conta que a filha teria caído da cama e que ela não estava na casa na hora do incidente. Após os investigadores contestarem a versão, ela contou que o companheiro já teria agredido a criança outras vezes e que ela também sofreria agressões constantemente.

Após ouvir o depoimento da mãe, familiares e assistência social do hospital, a delegada Vânia solicitou a prisão preventiva do padrasto, sendo cumprida na noite de sexta-feira (19).

Fonte: Da Redação / Meon