Vacina contra Covid-19: São José dos Campos amplia imunização de profissionais da saúde

0
4940

Funcionários de farmácia, consultórios e laboratórios poderão ser vacinados a partir desta segunda-feira.

São José dos Campos inicia a imunização contra a Covid-19 em novos grupos nesta segunda-feira (10). Poderão ser vacinados trabalhadores que atuam em farmácias, clínicas e laboratórios de análises clínicas, cuidadores de idosos, doulas e parteiras.

Confira quem pode se vacinar e quais são os pontos de vacinação na cidade nesta segunda-feira (10).

Idosos de 60 anos ou mais

A aplicação acontece das 8h às 17h nas Casas do Idoso e das 8h às 12h nas UBS’s e no sistema drive-thru no Cefe (Avenida Olivo Gomes, 250, Santana).

Profissionais de saúde com registro ativo

Os profissionais de saúde que atuem na área podem se vacinar na também das 8h às 17h nas Casas do Idoso e das 8h às 12h nas UBS’s e no sistema drive thru no Cefe (Avenida Olivo Gomes, 250, Santana). É necessário se inscrever no site da prefeitura.

Trabalhadores de apoio da saúde

A cidade inicia imunização de trabalhadores de apoio à área da saúde. Balconistas, atendentes, auxiliares, operadores de caixa e gerente que trabalhem em farmácias poderão de imunizar. Recepcionistas e atendentes de laboratórios, consultórios médicos, psicológicos e odontológicos também tem direito a vacina.

Cuidadores de idosos, doulas e parteiras também vão poder se imunizar contra a Covid-19.

Estagiários ou funcionários que atuem nas funções citadas, mas que tenham registro em carteira com outra função não poderão tomar a vacina.

Profissionais da educação com 47 anos ou mais

Para este público a vacinação das 8h às 12h no no Cefe (Avenida Olivo Gomes, 250, Santana). O profissional deve se cadastrar previamente na plataforma do governo estadual.

O que levar

Em todos os casos é necessário levar documento com foto que tenha CPF e comprovante de endereço de São José dos Campos. Profissionais de educação devem levar o comprovante impresso com QR code do Vacina Já Educação.

Os funcionários de apoio a saúde precisam apresentar documento pessoal, carteira de trabalho que comprovem a função e o número de identificação do consultório. Caso o trabalhador esteja registrado como Microempreendedor Individual (MEI) é preciso levar o número de registro com a função.

Fonte: G1 / Foto: Cláudio Vieira/PMSJC